Review: Grimm 3×03/04 – A Dish Best Served Cold / One Night Stand

Grimm 3x03

Grimm sendo standard.

Em dois episódios vimos dois lados diferentes do estilo “caso da semana”, em um vimos uma mitologia interessante tendo seu potencial pouco explorado (ou diminuído) embora ainda tenha conseguido entreter, no outro vimos um caso como pano de fundo para o desenvolvimento para tramas mais importante, mas não necessariamente nessa ordem.

3×03 trouxe de volta a discussão da eterna disputa entre blutbaden e bauerschwein, só que dessa vez eram os “porcos” que estavam atacando os lobos. O principal chef de um restaurante bem conceituado era um bauerschwein e, para se vingar pelos seus antepassados, estava usando um cogumelo que, quando cozido, afetava apenas quem era blutbaden e fazia com que eles sofressem um tipo exagerado de dilatação gástrica que resultaria numa explosão do estômago das vítimas.

Esse caso foi bem desinteressante, acho que foi só uma fraca tentativa de tirar Monroe de sua zona de conforto e fazê-lo parecer um blutdbad, de fato. Mas ainda valeu por ter proporcionado uma leve gafieira na cara dos fãs nos últimos momentos do episódio. Quando Monroe levou o tiro, o coração da maioria dos fãs deve ter parado, o meu nem tanto, pois achei o timing do Nick bom demais para aquilo ser sério, mas isso não tirou a diversão da cena. Quem não riu ao ver Monroe “voltando” dos mortos para falar aquela frase boba?

Ainda falando no Monroe, o casal wesen mais querido do público tomou um passo importante em sua relação. O pedido que Monroe fez à Rosalee para ela morar na casa dele entra para o rol de um dos momentos mais “awwwnn” do casal e eu realmente espero que dure e não seja só algo de 2 episódios e fim.

De resto temos Hank como objeto cênico, Nick tendo recaídas da zumbificação, Wu trabalhando a zuera, Renard tramando com seu correspondente em Vienna, Hexenbitch se dando conta do qual valioso é o filho dela… Enfim, nada do que já não tenhamos visto antes. Foi um episódio mediano, ainda que tenha divertido.

Falando do 3×04, este foi bem mais interessante que o anterior, até porque, a meu ver, quando se aposta no caso da semana, é bem melhor apostar em uma criatura nova do que apostar em uma nova roupagem para uma criatura que já conhecemos. Dessa vez conhecemos naiad, que é uma espécie de sereia do mundo wesen.

O caso da semana não começou tão interessante assim, admito, a cena do afogamento foi trash demais para mim e demorei a engolir aquela sequência, mas após isso, conhecer a criatura fez o caso melhorar bastante. As cenas onde acontece o woge da criatura foram as melhores e realmente passavam o efeito encantador e assustador que as sereias deveriam passar.

A construção da mitologia da criatura foi algo que me chamou a atenção, pois foi bastante bem construída e bem detalhista. Por exemplo, o fato de que, se ela ficar muito tempo fora da água ela desidrata rapidamente até morrer é bem interessante, assim como o fato de que os machos da espécie nascem estéreis e elas têm que “traí-los” para poder perpetuar a espécie, que foi uma sacada bem inteligente e criativa. Se todas as criaturas fosse bem trabalhadas dessa forma teríamos mais ótimos “casos da semana”.

Ainda tivemos a continuação das outras tramas da mudança de Rosalee para a casa de Monroe, Renard descobrindo que Adalind estava fazendo negócios com Frau Pech, Juliette ficando feliz porque descobriu que está tudo muito bem com Nick, Hank fazendo algo útil, enfim, mais uma vez tudo comum em Portland.

Dois casos da semana bem comuns que pouco me inspiraram a fazer uma review (prova disso é a demora e o tamanho relativamente menor que minhas outras reviews), mas que nem por isso foram ruins, cumpriram seu papel de entreter e levaram a trama à frente, só que não me inspiraram a ponto de escrever uma  review realmente inspirado. Torço para que os próximos episódios consigam me inspirar e que eu consiga entregar um ótimo trabalho para vocês.

Observações:

– Sério, a cena do afogamento no 3×04 me lembrou daqueles filmes de crocodilos/serpentes/alguma coisa gigante;
– Monrosalee é o melhor casal ever, gente. Não consigo torcer contra! E olha que odeio casais;
– Se eu visse o Nick virando zumbi eu ia achar que ele estaria zombando da minha cara

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s