Review: Supernatural 9×02 – Devil May Care

SPN 9X02

Supernatural provando novamente que ainda tem fôlego.

Ah Abaddon! A personagem que surgiu a menos de uma temporada e já é uma das mais inesquecíveis (e uma das mais queridas, ouso dizer) de toda a série, então é óbvio que sua primeira aparição nessa temporada estava carregada de expectativas que foram cumpridas. Houve alguns deslizes (como o fato dela voltar maquiada) e forçadas (só eu achei ruim o plano de esperar o Crowley dizer os nomes de todos os demônios do mundo?), mas foi mais um bom episódio.

De início falarei sobre Kevin, que é um personagem pelo qual tenho uma relação de altos e baixos, e ambos os lados dessa relação foram expostos nesse episódio. Começando pelos baixos, Kevin é um personagem burro (periodicamente), infantil e impulsivo, e isso me irrita bastante; aqui o vimos indo ao encontro de Crowley mesmo após vários avisos dos Winchesters, e mesmo que seja para vingar a mãe dela, esse tipo de atitude só me faz questionar o tempo em tela que ele recebe. Para não dizer que tudo foi ruim, os socos que ele deu em Crowley foram realmente ótimos, embora Osric não conseguisse transmitir tanto ódio quanto devia.

Já falando dos altos, Kevin, apesar de tudo, é responsável por ótimos alívios cômicos e aqui não foi diferente, a cena onde ele atira uma flecha em Dean é hilária (principalmente pelo comentário do segundo, comparando-o a Katniss) além de também ter uma hilária conversa com a militar. Mas isso já é comum para o personagem e só se confirmou aqui, o que realmente me pegou de surpresa foi que, quando Dean disse que ele faz parte da família, o ator suportou a carga dramática daquela cena, algo que ele não tinha feito em cenas que exigiam menos que aquela. Espero que ele consiga evoluir mais em suas próximas participações.

O resto do episódio foi voltado única e exclusivamente para o retorno de Abaddon, o que foi ótimo, já que estávamos com bastante saudade da nova bitch da série. Como mencionado, seu retorno com a maquiagem e unhas já feitas foi algo bem trash e um tanto difícil de engolir, mas aquele delicioso sorrisinho clichê foi o bastante para eu deixar de me importar com a coerência da situação naquele momento. Além disso, a personagem já começou com o seu plano de ir atrás dos Winchesters e tentar ir atrás de Crowley.
Para isso, Abaddon foi atrás de dois caçadores para fazer com que eles entregassem a localização dos Winchesters, e como isso não ocorreu, ela fez uma armadilha com os caçadores para atrair os irmãos. Destes novos (?) caçadores, apenas Tracy conseguiu chamar a atenção, não só por trazer de volta a trama dos efeitos do apocalipse para os outros caçadores, como também pela sua caçada e pela personalidade forte; já Irv veio e foi embora sendo bastante dispensável.

Como fazer alguém de vítima para atrair a atenção de Sam e Dean é algo que sempre funciona, lá foram eles atrás de Abaddon. Após terem conseguido aparentemente salvar as vítimas, os 4 se dividiram em duplas para tentarem sair de lá vivos, o que resultou em uma sequência bem tensa, afinal, após 8 anos de série aprendi a não confiar apenas na água benta e estava esperando Tracy ou Irv mostrassem ser algum demônio a qualquer momento.

Momento de tensão superado, outro ainda maior surgiu, pois mataram Irv, Sam encontrava-se sozinho contra os demônios e Dean estava lutando com Abaddon e eu me perguntando a todo o momento “como eles escaparão dessa situação de uma forma plausível?”. Obviamente que eu havia me esquecido de Ezequiel, então posso dizer que fui surpreendido pelo anjo entrando em ação em uma cena visualmente impactante (aquelas asas ficaram ótimas!) e que justificava completamente a fuga deles daquela situação, afinal, mesmo que Abaddon possa estar mais forte que os anjos por causa da queda deles, ela ainda não sabe que eles caíram, então só posso esperar para vê-la enfrentar um deles no menor intervalo de tempo possível.

Falando em Ezequiel, ainda estou desconfiando do anjo, pois apesar de, até agora ele não ter demonstrado nenhuma segunda ou terceira intenção, não consigo acreditar num personagem que surge do nada e é tão bonzinho, nem quando o Cas apareceu foi assim. Alguém aí também desconfia dele?

Supernatural traz mais um bom episódio, e faz com que esse início de temporada continue ótimo, espero que a temporada permaneça nesse nível para apagar, definitivamente, qualquer “pé atrás” que qualquer espectador tenha com a série desde as season 6 e 7.

Observações:
– Cas infelizmente não apareceu;
– “I torture all of my friends. It’s how I show love.” Crowley continua ácido como sempre \o/
– Abaddon gostosa como nunca aqui;
– Quer dizer que Kevin substituirá Garth? Que pena! Garth é bem melhor que Kevin.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s