Comentário: Os Vingadores – The Avengers

Não é o melhor filme de super-héroi já feito, mas é uma ótima diversão, e a galera nerd (como eu) vai adorar.

Quando os primeiros comentários sobre o filme saíram, boa parte deles o colocaram no patamar de melhor filme de super-héroi já feito, mas não é para tanto. Para fazer uma comparação justa, usando um exemplar que também tenha vários hérois como protagonistas, ele é inferior a X-Men 2 e X-Men: Primeira Classe, mas ao menos é superior a O Incrível Hulk e aos 2 exemplares de Homem de Ferro (ainda não posso falar sobre Thor e Capitão América: O Primeiro Vingador pois ainda não os vi).

Vou começar falando de uma das coisas que mais me dasagradou durante o filme: a duração. Ele é mais longo do que deveria ser e tem algumas cenas que seriam melhor aproveitadas pelos fãs nos extras do DVD, como a sequência em que Thor e Homem de Ferro lutam (que deveria ser mais curta), e outras em que os diálogos são mais longos do que deviam, como as conversas de Loki com qualquer personagem.

No comando do filme, Joss Whedon acertou muito na direção, sempre dando um ritmo ágil, um clima divertido à película, e embora não ouse muito, ele foi na contramão dos outros diretores de filmes do estilo, ele não tenta humanizar os personagens, e embora alguns não gostem, acho que isso é um grande acerto, pois como já vimos alguns dos personagens em seu próprios filmes, o importante aqui é elaborar uma trama cada um, envolvê-los em um trama central, e desenvolver essas tramas, no mínimo, de forma satisfatória.

Já no roteiro, Whedon (e seus colaboradores) acertam em vários pontos e erram poucas vezes, mas esse erros são graves e comprometem a qualidade do mesmo. Acerta no fato de criar plots apenas para seus hérois e para seu vilão e desenvovê-los paralalelamente à trama central, outro grande acerto são os diálogos dos personagens, que são bastante divertidos e tiram sarro do próprio filme, mas sem virar uma paródia. O maior erro do roteiro é o fato de ter alguns (grandes) furos, como o fato de Banner não controlar o Hulk em sua primeira aparição mas na segunda ele se comporta perfeitamente bem (inclusive atendendo a uma ordem do Capitão América), e, ainda falando nisso, como ele se transformou na 1ª vez se posteriormente diz que está com raiva o tempo todo? Então ele se transformou por que quis? Outro erro foi o fato de não terem feito uma trama central interessante, a direção bem que tentou, mas é difícil se sentir interessado pela trama do Tesseract.

As atuações não chamam muito a atenção, mas no geral, elas estão louváveis, Downey Jr e Scarlett Johansson são os maiores acertos. Ele interpreta Tony Stark com tanta naturalidade que é difícil pensar que ele realmente não age daquela forma no dia-a-dia; já ela consegue mostrar muito bem as nuances de sua personagem, e consegue rapidamente conquistar a simpatia do público. Mark Ruffalo mostra um Bruce Banner mais descontraído do que o de Norton e Bana, e acertou ao fazer isso; Renner agrada como o Gavião arqueiro, mas não faz mais que isso; sempre achei Thor e Capitão América bastante chatos, Hensworth e Evans passam essa mesma chatice, então presumo que eles estejam apenas cumprindo seus papeis satisfatoriamente, apenas presumo; Hiddleston se esforça, mas não entrega nada mais do que um vilão fraco. O restante do elenco não fica pouquíssimo em tela, então acho que seria perda de tempo avaliá-los.

Tecnicamente, o filme é bastante satisfatório, com exceção dos efeitos especiais, tudo é muito “bem feitinho”, usando uma analogia, é como se tivessem feito um bom arroz e feijão. Falando dos efeitos especiais, eles estão ótimos do início ao fim (embora fosse semi-impossível não estarem, devido ao tamanho do orçamento), eles enchem os olhos a todo momento e raramente soam inverossímeis, destaco uma cena do clímax do filme, onde mostra todos os vingadores em ação num plano-sequência, nesta cena dá para perceber que eles realmente estão incríveis (fora o fato de ser minha cena preferida).

Um dos maiores erros do filme não está contido nele, mas no público, que em sua maioria diz que o filme é ótimo, que é um dos melhores filmes de héroi e etc. E isso, querendo ou não, acaba influenciando e nos faz assistir o filme com altas expectativas, e consequentemente, pode nos fazer sair um pouco decepcionado após a sessão e confesso que isso aconteceu comigo. Entendo que muita gente tenha gostado bastante, mas o colocaram num patamar onde ele não está, acho que a maior vantagem deste filme é ser melhor do que os filmes que nos “preparam” para ele, e creio que isso fez com que as pessoas achassem que, ao ver um filme superior aos outros, estavam vendo algo espetacular, coisa que Os Vingadores – The Avengers não é, infelizmente.

Embora meu lado mais nerd tenha amado ver todos esse super-hérois juntos e de uma forma tão bem feita, ele peca como Cinema, e sua “simplicidade” o impede de ir muito longe, e, no geral, é uma ótima diversão. Mas antes de ver ao filme, se você estiver com altas expectativas, sugiro que tente controlá-las, pois dessa forma você poderá apreciá-lo de uma forma que eu, infelizmente, não pude.

PS: Até agora estou tentando entender o que diabos fizeram no título nacional do filme

Anúncios

2 comentários sobre “Comentário: Os Vingadores – The Avengers

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s